Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.

Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.
Atualizamos o blog várias vezes todos os dias para que você tenha a informação em cima da hora.Colabore mandando eventos, matéria,denúncias,textos...tudo que possa interessar à comunidade do Guarujá.

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO
CLIQUE E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUINIS DO BRASIL

domingo, 10 de maio de 2009

Breve uma favela...

clique na foto para ampliarLocal praia da Enseada
Conheça o blog do Chapolin

Do Editor:

As autoridades alegam problemas sociais que elas mesmas criam.

 

Todas as vezes que se discute o problema dos quiosques da Enseada alguém sugere, sem dados precisos e verdadeiros que a sua retirada pode causar um problema social.

Já mostramos diversas vezes que isso não é verdade com poucas palavras e números bem pequenos.

O que representam 100 quiosques? Para nós, 100 comerciantes ilegais que não respeitam as leis! Nem federais, nem municipais nem estaduais. Segundo informações cada quiosque deveria pagar cerca de R$800,00 de licença por ano, entretanto, a maioria não paga e o débito pode chegar a mais de R$ 1.600.000,00.

Escudam-se sob uma licença que a prefeitura não poderia fornecer e que está obrigada pelo Ministério Publico Federal a não reconhecer.

A grande maioria desses quiosques teve desvio tão grande de utilização que hoje servem de moradia para invasores.

Breve teremos uma favela em plena praia, patrocinada pelos que deveriam fiscalizar e não o fazem.

É preciso respeitar a lei. O problema social que se apresente, se é que ele existe, deve ser resolvido depois, em outro fórum.




2 comentários:

Anônimo disse...

Olá
Como morador e comerciante na cidade fiquei indignado quando levei minha filha para conhecer 2 "mirantes" que eu sempre me referi quando quis explicar a beleza do Guarujá. No topo do morro do Maluf foram construídas verdadeiras muralhas pelos condomínios impedindo assim uma bela vista que tinhamos logo ao chegar ali. Do outro lados um empreendimento abandonado (uma pena aliás) e seguindo em frente um MATAGAL. Mas o que realmente me irritou foi subir o morro que fica entre Astúrias e Tombo por uma estradinha esburacada e perigosa para chegar lá no alto e pasmem, NÃO CONSEGUIMOS VER AS PRAIAS. O capim está tão alto naquele lugar que mesmo eu colocando minha filha de oito anos nos ombros NÃO SE PODIA ENXERGAR MAIS NADA. O Guarujá não poderá nunca atrair novos turistas se não for capaz de cuidar nem mesmo daquilo que a natureza nos presenteou.

Anônimo disse...

Fala a verdade não é uma cena deprimente???

e ainda falam que é a pérola do atlântico.