Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.

Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.
Atualizamos o blog várias vezes todos os dias para que você tenha a informação em cima da hora.Colabore mandando eventos, matéria,denúncias,textos...tudo que possa interessar à comunidade do Guarujá.

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO
CLIQUE E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUINIS DO BRASIL

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Falta de vergonha

Falta de vergonha‏
De:José Carlos carlos (fogueira2@gmail.com)

Enviada:quinta-feira, 22 de julho de 2010 20:41:22
Para:falecomodono@hotmail.com
A Prefeitura volta a propagandear, em seu site, a adequação da praia do Tombo para concorrer ao Certificado Bandeira Azul até o prazo máximo estipulado pela FEE em outubro de 2010.
Essa certificação é concedida pelo instituto dinamarquês Foundation for Enviromental Education – FEE (Fundação para o Desenvolvimento da Educação. A qual exige a implementação de 29 medidas para habilitação. Dentre elas, acessibilidade, banheiros e sanitários públicos, água potável, segurança, câmeras de vigilância, informações turísticas e geográficas, mapeamento de áreas para a prática de esportes, coleta seletiva de resíduos sólidos, sinalização horizontal e vertical completa e a formação de um Comitê Gestor, formado por representantes de vários segmentos da sociedade.
Essa estória começou há quatro anos. Em 2006, 2007, 2008, 2009 e 20010 usaram o mesmo argumento ao responder às reclamações feitas através da coluna Reclama São Paulo, do jornal O Estado de São Paulo, e até hoje não cumpriram.
Em 06/02/2008, a Prefeitura recebeu repasse de 410 mil do Ministério do Turismo para execução das obras. Mas a verba não foi aplicada e a praia continuou como dantes. A verba, segundo a Prefeitura, está depositada na Caixa Econômica - interessante é que o valor continua o mesmo, sem a devida correção!
Para não perder o costume, em seu site, a Prefeitura usa o verbo de forma a confundir o leitor: dizem “está”, “foi,” mas, na realidade, não está e nem foi! Será!! Uma coisa está muito distante da outra.
De qualquer forma, o importante é que as medidas se concretizem até o novo prazo estipulado, para o bem da sociedade e do meio ambiente.
Por ser ano eleitoral, e considerando que a atual administração faz parte da base de apoio ao governo de turno, a possibilidade é boa.
Vamos acompanhar mais esse episódio da novela “Me engana que eu gosto”!

José Carlos Saliba
Fone (011) 7733-3170

9 comentários:

Anônimo disse...

Ora, Srs.(as), reflitam: será que só a praia do Guaiúba merece ter câmeras de vigilância, banheiros públicos, chuveiros que usem a água das chuvas, mangueiras com água de reuso para as privadas, esgoto etc.etc.etc?
O fato é que os jardins e orla das nossas praias são "de uso comum do povo" e não vitrine publicitária para empresas amigas da Rainha, Vizir, Havengard, Ministros ou bobos-da-corte...
* José Antonio Gonçalves

Anônimo disse...

Ora, Srs.(as), reflitam: será que só a praia do Guaiúba merece ter câmeras de vigilância, banheiros públicos, chuveiros que usem a água das chuvas, mangueiras com água de reuso para as privadas, esgoto etc.etc.etc?
O fato é que os jardins e orla das nossas praias são "de uso comum do povo" e não vitrine publicitária para empresas amigas da Rainha, Vizir, Havengard, Ministros ou bobos-da-corte...
* José Antonio Gonçalves

Anônimo disse...

Srs "dono", o Srs. não vai me censurar, só porque é empresário e eu critico o uso das praias e calçadão à iniciativa privada... Porque, até hoje, ninguém viu a cor do dinheiro arrecadado pelos back-lights(?) e outros nesses ultimos 30 anos!?
Pois quando a Lei assim o permitir (espero que nunca), não só porão cancelas nas praias, para que os pobres ou quem não tenha "passe", bilhete, cartão etc. transite, mas farão obras e mudanças ao bel prazer sem consultar a população, e sem direito a ninguém recorrer ao MP, Judiciário.
Até hoje não deu certo! Vamos democratizar e socializar o que é do povo!!!
* José Antonio Gonçalves (jagjornalista@gmail.com)

Anônimo disse...

Todos políticos são iguais. Não se preocupam com o bem estar da população,mas com o seu de sua família e de seus apaninguados.

Anônimo disse...

O povo brasileiro tem pouco ou nenhum lazer partindo de iniciativas governamentais, isso é um assunto em pauta a anos, querem tirar os jovens da rua,das drogas mas o investimento em outras atividades é muito pequeno. A praia, é um lugar que a natureza oferece, onde atletas crescem e evoluem, onde crianças brincam e onde os trabalhadores de todas as idades classes sociais e condiçoes fisicas podem curtir da forma mais democrática impossível.
Portanto sim, uum pouco de estrutura é o minimo que o governo pode oferecer pra todos nós que pagamos nao só o imposto de renda como altos impostos em gasolina, itens de alimentação e tudo o mais.
Se o ministério do turismo (governo federal) disponibilizou tal verba como o senhor José mostrou em suas pesquisas, então temos um agravante porque o que era para o povo estar disfrutando hoje está na conta de algum criminoso que é isso que eles são os desviadores de verbas publicas, criminosos que riem da cara do povo, criminosos comuns.

Vamos ficar de olho, independente do governo eleito, quem tem que fiscalizar é o povo.

Anônimo disse...

É incrível o anacronismo da Prefeitura. Existem coisas que não requerem muito pensar. A população quer, a Prefeitura quer e existe recurso. Vamos lá Prefeitura, esqueça os culpados. Ganhe uns pontos com a população. Sugestão: priorize o aspecto da acessibilidade.

José Barbosa C Neto disse...

É incrível o anacronismo da Prefeitura. Existem coisas que não requerem muito pensar. A população quer, a Prefeitura quer e existe recurso. Vamos lá Prefeitura, esqueça os culpados. Ganhe uns pontos com a população. Sugestão: priorize o aspecto da acessibilidade.

Anônimo disse...

SOU FAVORÁVEL A TODO INVESTIMENTO PÚBLICO (MUNICIPAL, FEDERAL) NAS PRAIAS, E ORLAS, DESDE QUE PRESERVEM O MEIO AMBIENTE EQUILIBRADO; QUE VALORIZEM O LAZER, ESPORTE E CULTURA; QUE E SEJA MUITO BOM AO TURISMO! CHEGA DE "AQUAMUNDI", COM ISENÇÃO E PREÇOS CAROS!

DEVEMOS FISCALIZAR, JÁ QUE A CÂMARA DE VEREADORES, INFELIZMENTE, VEM SE OMITINDO, PRINCIPALMENTE POR FALTA DE TRANSPARÊNCIA E O PERÍODO ELEITORAL...

MAS DESDE QUE OBRAS, POLÍTICAS PÚBLICAS,PROJETOS (Bandeira Azul, verde, branca etc.), SEJAM PLENA E EXAUSTIVAMENTE DISCUTIDOS ENTRE O PODER PÚBLICO, ONGs, ASSOCIAÇÕES DE BAIRRO,INICIATIVA PRIVADA: BARES, RESTAURANTES, HOTÉIS, POUSADAS, CONDOMÍNIOS, VERANISTAS E OS CONSUMIDORES...E NÃO COMO FOI FEITO E ESTÁ A SITUAÇÃO DOS QUIOSQUES DA ENSEADA!
* José Antonio Gonçalves (jagjornalista@gmail.com)

Anônimo disse...

É importante que as obras sejam realizadas, para depois continuarmos a luta!