Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.

Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.
Atualizamos o blog várias vezes todos os dias para que você tenha a informação em cima da hora.Colabore mandando eventos, matéria,denúncias,textos...tudo que possa interessar à comunidade do Guarujá.

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO
CLIQUE E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUINIS DO BRASIL

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Bebeto dá clínica de futebol de areia para crianças carentes do Guarujá



Craque atendeu a mais de 200 meninos em praia do balneário paulista

Por GLOBOESPORTE.COMGuarujá, 
Bebeto e as crianças (Foto: Divulgação)Cercado por crianças, Bebeto ensina futebol de areia na praia da Enseada, no Guarujá (Divulgação)
O ex-jogador Bebeto esteve na manhã deste sábado na praia da Enseada, na cidade do Guarujá, litoral paulista, para ministrar uma clínica para crianças carentes. Foram mais de 200 meninos que ouviram atentamente às instruções do craque na quadra de areia.
- Estou muito feliz de estar aqui hoje. Faço trabalho social com crianças há mais de dez anos. Eu sei que dá certo. O esporte é uma arma poderosa de inclusão social - diz Bebeto, que também é deputado estadual pelo Rio de Janeiro.
 

domingo, 27 de fevereiro de 2011

O que faltava não falta mais...Vergonhosa corrupção permite comércio ilegal nas praias do Guarujá

Clique na foto para ampliar


Clique na foto para ampliar
AGORA VENDENDO BIQUÍNIS

De mais de uma centena de carrinhos vendendo roupas o que faltava não falta mais.
Dois agora vendem exclusivamente biquínis.
Certamente ainda este ano teremos mais carrinhos de biquinis do que lojas de biquini.
A inércia,inoperância, incapacidade, a tolerância desse tipo de comércio faz com que as lojas regularmente estabelecidas não consigam sobreviver.
Esse tipo de comércio é vedado para ambulantes e só a falta de fiscalização ou conluio de autoridades pode justificar.
Neste sábado percorri toda a extensão da Praia de Pitangueiras e não havia nenhum fiscal.


****CLIQUE NAS FOTOS PARA AMPLIAR
































sábado, 26 de fevereiro de 2011

Da série ERA O QUE FALTAVA... não falta mais!!! Carrinho da Beth, 4 ombrelones gigantes da Itaipava.

Clique na foto para ampliar

Restaurante na praia monta 4 ombrelones com publicidade da Itaipava para,contrariando a lei,fornecer alimentos fritos na praia...Praia das Asturias.
Fiscalizar prá que? Quem tem padrinho não precisa cumprir a lei no Guarujá...A Beth tem padrinho!!!

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Ouvidoria do Guarujá x caminhões em frente minha residência

  • Ouvidoria do Guarujá x caminhões em frente minha residência‏


24/2/2011
Para airton sinto, benzi@camaraguaruja.sp.gov.br, dr.sato@camaraguaruja.sp.gov.br, jornalguarutv@hotmail.com, josecarlosrodriguez@camaraguaruja.sp.gov.br, marcelomariano@camaraguaruja.sp.gov.br, Benny e
    Venho através desta, como um último recurso pois já estou cansada de cobrar e de tentar fazer minha parte, já foram diversas reclamações junto a ouvidoria do guarujá, e olha que não foram poucas desde 2009 que venho lutando com este problema, mas vamos tentar resumir.
    Por diversas vezes tentei por meios legais ao qual me é de direito fazer a coisa certa, mas já deu para perceber que aqui na minha cidade isso já não funciona a muito tempo e cada prefeito, vereador e deputado que entra na politica de nossa cidade, a coisa fica pior, por isso hoje resolvi tentar pela última vez já que o que estou pedindo não é muita coisa, mais antes gostaria de fazer uma pergunta aos senhores. Como se sentiriam se chegassem aos 44 anos tendo trabalhado por 22 anos registrada e saissem aos 40 de uma grande empresa por stress, e conseguido com muita luta comprar uma casa pela caixa depois de sairem de seus empregos quitar a mesma, e construir um novo lar por 08 anos, porque foi isso que demorou para que eu junto com meu marido adquirissemos o bem que possuimos hoje, e ver após 2 anos de uso sua residencia rachando porque as "pessoas" que estão no poder da cidade não fazem ou não querrem fazer nada para ajudar?
    A única coisa que eu venho pedindo esse tempo todo é uma placa para que as carretas não parem na minha porta pois com o peso das mesmas até o calçamento da rua está afundandoé é bem em frente minha casa já esta rachando até a calçada, quem vai pagar a conta? Eles? Não.
    Já entrei em contato com a ouvidoria por inumeras vezes, já tenho varias boletins abertos, sem respostas, já fui pessoalmente na ouvidoria e até o momento nada, a única coisa que sabem me dizer é:
já enviamos para o departamento de transito para que possam avaliar a situação, o transito segundo eles devolveram com a seguinte resposta, vai ter que aguardar pois não temos como fazer a placa pois não possuem uma empresa fara faze-la, mas como se este ano já pintaram várias faixas de pedestres, colocaram várias placas de sinalização como estão mostrando direto na tv?
    Pra completar creio eu, que devido a tantas reclamações minhas junto a ouvidoria, veio um fiscal em minha casa para fazer a medição do meu terreno novamente, e em menos de 15 dias chegou um papel pedindo que eu comparecesse junto a prefeitura para regularizar meu iptu, o mesmo passou de 46,00 para 167,00 e ainda tenho que pagar um tal de iss de 136,00 em 12 x, mas tudo bem eu estou pagando mas e os meus pedidos porque ainda não foram atendidos, nem falar com a prefeita me deixaram, liguei para marcar uma audiencia, pois gostaria de ouvir dela o pq de uma não, mas várias reclamações junto a ouvidoria municpal e até o momento nenhuma resposta plausivel, o que vejo é um descaso total para com o cidadão que paga seus impostos em dia e não recebe nada em troca, moro nesta cidade a 38 anos desde que eu comecei a votar sempre exerci minha cidadania achando que um dia ia mudar a politica do guaruja mas o que vejo é um descaso total. 
Meu marido e meu vizinho já foram ameaçados por esses tais caminhoneiros que insistem em largar suas carretas carregas nas portas dos outros e irem para suas casas, pq sabem que ninguem vai fazer nada.
    Ai um belo dia de dezembro, eu tinha viajado, chega uma pessoa se identificando como sendo do depto de transito, tinha vindo verificar o problema, disse para ligarmos nos tels que ele forneceu e procurassemos um tal de Ricardo, que ele enviaria um fiscal no local na hora que ligassemos para conversar com o motorista ou aplicar multas, para minha surpresa liguei nesta ultima segunda feira dia 21/02/11 e no departamento de transito segundo o sr.Resende não existe nenhum Ricardo no depto de transito, agora até funcionario fantasma essa prefeitura possui?
    Deixo aqui meu desabafo, tentando de algum modo sensibilizar aqueles que foram eleitos pelo povo desta cidade a solucionar um problema que já se arrasta desde 2009, se interessar a alguem segue o ultimo numero aberto na ouvidoria: 5219x2010xfkvo aberto com Douglas
Espero que um de voces possa me ajudar, eu só preciso de uma placa para que não larguem carretas na minha porta 
    Sem mais agradeço a atenção e a paciência
Rosângela A M da Silva
Av: Severo Conde Y Conde, 214
Vila Aurea

Depois da praia- Restaurante Papi Palma sucesso no Guarujá-Lugar de gente bonita!!!


Hora sagrada é a do almoço, quando todos compartilham a mesma opinião: matar a fome é a ordem do momento! Qualidade, variedade e sabor são fatores primordiais para saciar o apetite do Cardume. Foi pensando assim que o Peixe Urbano fisgou esta oferta: 50% de desconto em Bufê de Almoço do Restaurante Papi Palma (de R$17 por R$8,50).

O Restaurante Papi Palma se tornou uma deliciosa opção para o Cardume que procura um cardápio variado na hora do almoço. O restaurante oferece refeições variadas, com receitas tipicamente caseiras, com frutos do mar, passando pela carne bovina e de frango. Todos os dias o menu traz, pelo menos, 3 opções de pratos principais e diversos acompanhamentos. A loja, que fica no Guarujá Center Shopping, segue à risca o alto padrão de qualidade nas receitas e no atendimento e recebe Peixes e Sereias para um farto e gostoso almoço!
Com o cupom desta oferta, você poderá Comer à Vontade na Hora do Almoço, num bufê preparado por quem entende do assunto. São várias opções, entre massas, carnes e saladas. O cardápio varia conforme o dia da semana, mas a certeza de que sempre haverá opções que agradam ao seu paladar se mantém. Se você pintar por lá na segunda, por exemplo, vai poder saborear Bife à Parmegiana, Carne assada com Batata ou Filé de Frango. Já na sexta, você poderá escolher um saboroso Risoto de Frutos do Mar ou Filé de Peixe, além do Lagarto Recheado. Mas se você não estiver a fim de ir para a cozinha num sabadão, a boa é saborear uma Feijoada Completa! Ótimo, não? Mas calma que o melhor vem agora: não precisa pesar seu prato! A variedade é tanta, que nem dá para saber por onde começar.
Bateu aquela fominha? Então, lance logo o seu anzol e garanta o seu cupom.  ORestaurante Papi Palma recebe o cardume todos os dias, das 12h às 16h.

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Fim de maternidade de Guarujá preocupa especialistas


Da Redação da Tribuna de Santos

Créditos: Rogério Soares
Maternidade dará lugar a unidades do Instituto de Infectologia Emílio Ribas e do Adolfo Lutz

Simone Queirós e Suzana Fonseca
A obstetrícia (especialidade da Medicina que trata da gravidez e do parto) representou, nos últimos três anos, 17% das internações pelo SUS no âmbito estadual e 26% na Baixada Santista. Em Guarujá, o índice foi quase o dobro do Estado: 32%. Ao mesmo tempo, enquanto em oito dos nove municípios da região a mortalidade infantil diminuiu no ano passado, os guarujaenses amargaram aumento de 17,7 para 19,4 óbitos para cada grupo de mil nascidos vivos até um ano de idade. 

É entre esses indicadores, que representam o grande número de nascimentos e mortes de bebês na Cidade, que a Maternidade Ana Parteira completa dois anos de fechamento no próximo domingo. Por tudo isso, sua completa desativação para dar lugar a unidades do Instituto de Infectologia Emílio Ribas e do Instituto Adolfo Lutz, em Vicente de Carvalho, gerou polêmica entre médicos e especialistas em saúde pública na região. 



O anúncio foi feito na segunda-feira pelo coordenador da Agência em Saúde da Baixada Santista, David Uip. Primeiro porque, para o presidente do Sindicato dos Médicos de Santos, São Vicente, Cubatão, Guarujá e Praia Grande (Sindimed), Álvaro Norberto Valentim da Silva, trata-se apenas de uma conjectura, uma vez que a proposta ainda será submetida ao secretário de Estado da Saúde, Giovanni Guido Cerri, e ao governador Geraldo Alckmin. 

"Além disso, a agência não está escutando os profissionais de saúde. Mandamos um ofício há um mês solicitando assento para também participarmos das reuniões, mas até agora não obtivemos retorno. Por enquanto não há nada de concreto nessa agência. Essa medida não vai resolver em nada os reais problemas da região, que passam pela falta de estrutura física, salários defasados, falta de plano de carreira". 

A preocupação é que isso sobrecarregue ainda mais o Hospital Santo Amaro e outras unidades da região, além de não resolver de fato a situação. Um médico plantonista do PAM Rodoviária, que preferiu não se identificar, está preocupado com a possível mudança. Ele afirma que há pouco tempo uma medida proporcionou melhora na unidade, que passou a transferir pacientes para UTI Semi-intensiva em Vicente de Carvalho. 

"Agora que a coisa está melhorando, acho que pode ficar complicado deixar toda a demanda para o Santo Amaro. Isso pode sobrar para os leitos do PAM. Sabemos que Guarujá não consegue atender sua população". 

O consultor em Finanças Públicas Rodolfo Amaral afirma que o Santo Amaro acumula uma dívida de R$ 10 milhões por ano por ser o hospital que mais atende pelo SUS na Baixada Santista. Ao mesmo tempo, o Estado destina entre custeio e investimentos R$ 100 milhões anuais à Baixada. "Isso é 1% do total, mas a Baixada representa 4% de tudo no Estado. Se repassasse corretamente os R$ 400 milhões anuais, seria possível construir uma Santa Casa de Santos por ano".



Sem prejuízos

A prefeita Maria Antonieta de Brito (PMDB) e o secretário de Saúde de Guarujá, Cássio Luiz Rosinha, descartam prejuízos à Cidade com a desativação do Ana Parteira. Nos próximos dias os diretores do Hospital Santo Amaro serão procurados para tratar de investimentos na maternidade. "Vamos nos empenhar para dar condições à maternidade do hospital", promete a chefe do Executivo. Ela afirma que os leitos do Santo Amaro são suficientes para atender à demanda. 

"Ele pode vir a atender mais, com a condição que vamos dar ­ se essa for mesmo a decisão do governador. Se o Estado entende que a maternidade tem que ser em um hospital de porte para atender pessoas com dengue, meningite, hepatite, HIV e outras doenças que hoje as pessoas têm que ir para São Paulo, acredito que é um grande ganho". 

Cássio diz que não haverá reflexos no PAM. "Tudo continuará a ser feito como está hoje". Já o atendimento feito atualmente no Hospital Dia Willian Rocha, especializado em infectologia, passaria a ser no Emílio Ribas. 

"Estamos avaliando as outras possibilidades. Queremos também aumentar vagas de UTI no Santo Amaro". O Santo Amaro informou que prefere aguardar as tratativas com a Prefeitura antes de se manifestar. A abertura do Ana Parteira teve como base um estudo realizado em 2007 pelo consultor Rodofo Amaral. Na época a intenção era ter ali um hospital geral. "Mas tinha apenas 50 leitos, com capacidade para atender 1.500 pacientes por ano que representava 10% da capacidade do Santo Amaro". 

Ao mesmo tempo, o hospital demandava 40% de sua ocupação para obstetrícia,que representa a pior remuneração da tabela SUS. "Por isso, a sugestão foi que Guarujá tivesse sua própria maternidade".