Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.

Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.
Atualizamos o blog várias vezes todos os dias para que você tenha a informação em cima da hora.Colabore mandando eventos, matéria,denúncias,textos...tudo que possa interessar à comunidade do Guarujá.

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO
CLIQUE E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUINIS DO BRASIL

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Empresa de serviços navais é autuada em Guarujá

Meio ambiente 
 
Denuncia anônima foi feita junto à Secretaria de Meio Ambiente
 
A Prefeitura de Guarujá, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam), autuou a empresa Estaleiro Rio do Meio Serviços Navais, localizada na Rua João Silvério, 310 – Vila Lígia. Na manhã de sábado (24), através de uma denúncia anônima junto à Semam.

De acordo com a Secretaria, um fiscal se dirigiu ao local onde constatou a irregularidade de transferência de óleo de uma barcaça para dois caminhões tanque com capacidade de 30 mil litros cada. A Semam informa ainda que a empresa já vinha sendo monitorada e fiscalizada pela Prefeitura desde 2009.

Segundo o secretário de Meio Ambiente, Elio Lopes dos Santos, esse tipo de ação vai ao encontro do Programa de Controle Ambiental de Guarujá/Projeto Porto e Retroporto. “O controle ambiental nos proporciona achar as irregularidades que as empresas fazem. Dessa forma, podemos autuar, fiscalizar e até multar os infratores”, disse o secretário.

O fiscal da Secretaria de Meio Ambiente teve apoio da Polícia Ambiental e um Boletim de Ocorrência foi lavrado na Delegacia Sede da Cidade, sob a pena de crime ambiental. Um representante da empresa e os motoristas das carretas foram pegos em flagrante e encaminhados para a Delegacia para dar esclarecimentos e enquadrados no artigo 60 da Lei de Crimes Ambientais 9605/98.

A Polícia Científica recolheu amostras do produto sob a ordem do delegado. As duas carretas estão no Pátio Municipal, uma completamente cheia e a outra com mais ou menos 20 mil litros de óleo.

O fiscal da Semam informou que a empresa estava interditada para este tipo de trabalho desde 10 de setembro de 2009, e foi multada em R$ 107 mil. Já as carretas pertencem à empresa Atlantic Oil Transportes e Serviços Marítimos LTDA-ME, situada na Avenida Áurea Gonzalez Conde, 470 – Vila Áurea, e já responde por manuseio irregular desse tipo de produto.

PREFEITURA DE GUARUJÁ - Assessoria de Imagem e Comunicação Pública- Tel.: (13) 3308-7470
Jornalista responsável: Karina Praça (MTb: 43.955). Redator: Wilson Balaions (Mtb 60.147)

Nenhum comentário: