Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.

Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.
Atualizamos o blog várias vezes todos os dias para que você tenha a informação em cima da hora.Colabore mandando eventos, matéria,denúncias,textos...tudo que possa interessar à comunidade do Guarujá.

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO
CLIQUE E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUINIS DO BRASIL

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Hotéis do Guarujá alcançam 100% de ocupação

Recorde foi registrado entre Natal e ano-novo e deve se repetir no carnaval; com a demanda, cidade vai ganhar mais 900 leitos até a Copa de 2014

23 de janeiro de 2012 | 3h 06

O aumento na oferta de hotéis e pousadas e na qualidade da hospedagem, com opções de resorts de luxo, levaram o Guarujá, na Baixada Santista, a bater os 100% de ocupação hoteleira na semana entre Natal e réveillon. A temporada 2011-2012 já é a melhor na história da cidade e impulsiona o setor a construir ainda mais. Até a Copa de 2014, o Guarujá vai ganhar mais 900 leitos para acomodar a demanda crescente de turistas.
Conhecido por receber veranistas "fiéis", a maioria com apartamento próprio ou casa alugada por longas temporadas, o Guarujá é hoje uma praia procurada por turistas de todo o Brasil. Não à toa, ganhou 2 mil leitos em quatro anos, de 2007 a 2010, e já tem a maior capacidade hoteleira de todo o litoral paulista: 9 mil leitos distribuídos em 67 hotéis, pousadas, flats e resorts. Com diárias a preço médio de R$ 200, as vagas são disputadas principalmente em fins de semana e feriados.
A pouco menos de um mês do carnaval, um dos feriados mais concorridos do ano, os principais hotéis do Guarujá já estão 60% reservados, segundo o Guarujá Convention & Visitors Bureau (GCVB). As projeções mostram que as vagas devem se esgotar antes da segunda semana de fevereiro. "Sempre há aqueles 10%, 15% que deixam para fechar o pacote na semana da véspera do carnaval. Neste ano, vai ser disputado", afirma Lourival de Piere, vice-presidente do GCVB.
No ano passado, o Guarujá recebeu 1,6 milhão de visitantes, 15% a mais que em 2010. Em dezembro, os hotéis ficaram totalmente ocupados nos fins de semana e quase cheios durante a semana: a ocupação de segunda a sexta-feira chegou aos 80%.
Desafios. Incrementar a infraestrutura, reforçar a segurança, implementar um sistema de tratamento completo de água e manter as boas condições das praias são os principais desafios do Guarujá.
Neste verão, somente um endereço da Praia da Enseada recebeu sinal de alerta da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb): o Perequê. A Praia do Tombo conseguiu manter e renovar por mais um ano a "bandeira azul", que indica boas condições de balneabilidade.
Na última semana do ano, o Guarujá registrou 26 ocorrências policiais, entre afogamentos, acidentes de trânsito, incêndios de baixa gravidade e pequenos furtos.

Um comentário:

fogueira disse...

Essa é uma notícia muito boa. Imaginem se a cidade fosse governada por alguém que não fosse contaminada pela ideologia e pela irresistível sedução pecuniária. Imaginem se a praia do Tombo tivesse conquistado realmente o certificado Bandeira Azul? Seria muito bom! Mas, doe saber que isso não passa de uma mentira coonestada pelo poder público. Aquilo, infelizmente, é uma farsa. Quem frequenta, sabe. Sem entrar no mérito, existe, no local, somente uma rampa que finge ter a finalidade de atender às pessoas possuidoras de algum tipo de limitação - Idoso, deficiente físico, gestrante, acidentado etc...- mas que não leva nada a lugar nenhum. Só faz depositar o usuário no areão. E que de lá não sai sem auxílio de alguém. Mas, mesmo diante dessa realidade incontestável, a Ong dinamarquesa FEE-Foundation for Enviromental Education, pensando no merchanding, fingiu, na cara de pau, estar tudo certo e colocou lá sua bandeira. É uma vergonha!! Quem não acredita, pegue uma cadeira de rodas e tente chegar ao mar.