Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.

Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.
Atualizamos o blog várias vezes todos os dias para que você tenha a informação em cima da hora.Colabore mandando eventos, matéria,denúncias,textos...tudo que possa interessar à comunidade do Guarujá.

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO
CLIQUE E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUINIS DO BRASIL

sábado, 14 de janeiro de 2012

Navio naufraga e deixa mortos na Itália Inicialmente as autoridades locais divulgaram que pelo menos 6 haviam morrido, mas apenas três corpos foram resgatados


xto:
Foto: AP
O navio Costa Concordia, que levava 4.000 pessoas, naufragou após bater em banco de areia próximo à ilha de Giglio (Itália)
Um navio de cruzeiro que levava mais de 4.000 pessoas naufragou na noite desta sexta-feira na costa da Itália. Inicialmente as autoridades italianas divulgaram que pelo menos seis pessoas haviam morrido, mas até a manhã deste sábado (14), somente três corpos haviam sido resgatados. 

Outras várias pessoas ficaram feridas, incluindo duas gravemente, segundo a imprensa italiana. 

O navio "Costa Concordia" bateu num banco de areia próximo à ilha de Giglio e já havia inclinado cerca de 20 graus quando as pessoas começaram a deixar a embarcação em botes salva-vidas ou nadando.

Helicópteros foram usados para retirar ao menos 50 pessoas que se refugiaram no deck do navio e se encontravam em situação delicada. Unidades da guarda costeira e barcos de passageiros participavam do resgate. 

Porém, a retirada dos últimos passageiros e de membros da tripulação apresentou complicações. Uma fenda se abriu, causando vazamento dentro da embarcação, que inclinou.
Os passageiros e tripulação do navio Costa Concordia foram levados para a ilha de Giglio e colocados em escolas, casas e igrejas para passar a noite. O cruzeiro encalhou por volta de 21h30 horas (18h30 no horário de Brasília) perto da costa da Toscana.
Luciano Castro, um dos passageiros, disse à imprensa italiana que "todos estavam jantando quando a luz apagou, houve um tranco e os pratos caíram da mesa". Quando a luz voltou, o comandante anunciou uma avaria no gerador elétrico e garantiu um conserto rápido, mas o barco começou a adernar. A tripulação pediu que todos colocassem os coletes salva-vidas e logo veio a ordem para abandonar o navio, revelou Castro.
Outra passageira, Mara Parmegiani, afirmou à mídia italiana que houve "cenas de pânico" no navio.
"Estávamos muito assustados e congelando, porque aconteceu durante o jantar, então ninguém teve tempo de tomar mais roupas. Eles nos deram cobertores, mas não havia em quantidade suficiente", disse.

O Costa Concordia havia deixado o porto de Civitavecchia, perto de Roma, na sexta-feira para um cruzeiro pelo Mediterrâneo, que deveria terminar em sete dias em Marselha, na França, após passar por portos da Sicília, da Sardenha e da Espanha. O navio transportava cerca de mil passageiros italianos, 500 alemães e 160 franceses, segundo o armador, que não precisou a nacionalidade das demais pessoas a bordo. 

***Com informações da AFP, BBC Brasil, EFE e Reuters


Foto: APAmpliar
O navio pouco depois de ter batido no banco de areia próximo à ilha de Giglio, na Itália

Nenhum comentário: