Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.

Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.
Atualizamos o blog várias vezes todos os dias para que você tenha a informação em cima da hora.Colabore mandando eventos, matéria,denúncias,textos...tudo que possa interessar à comunidade do Guarujá.

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO
CLIQUE E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUINIS DO BRASIL

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Descuido em cozinha pode ser causa de incêndio em comunidade de Guarujá

Conceiçãozinha


De A Tribuna On-line
Um incêndio de grandes proporções destruiu aproximadamente 30 barracos de uma comunidade no Sítio Conceiçãozinha, na tarde desta segunda-feira, em Guarujá. O incidente não deixou feridos, mas desabrigou cerca de 180 pessoas, que já foram cadastradas pela Prefeitura da Cidade. Parte delas estão abrigadas na Escola Municipal Maria Regina, localizada na região.

Segundo apuração prévia do Corpo de Bombeiros, uma possível displicência na cozinha pode ter sido a causa do incêndio. Informações colhidas com moradores indicam que uma adolescente preparava um macarrão instantâneo quando, por descuido, fez com que as chamas do fogão atingissem as paredes do barraco onde mora. 

A situação ficou fora de controle pouco depois das 15 horas. A brigada de incêndio de uma empresa localizada nas imediações auxiliou nos trabalhos de contenção das chamas, em razão da demora dos bombeiros, que tiveram dificuldades para chegar à região. Houve auxílio de duas equipes, que usaram equipamentos do próprio complexo para controlar as chamas. 

Ainda durante a noite desta segunda-feira, equipes permaneciam no local para poder realizar os trabalhos de rescaldo. Foram necessárias seis viaturas-tanque dos Bombeiros, que tiveram apoio decisivo da comunidade. As famílias que tiveram os barracos atingidos perderam tudo, entre bens pessoais, documentos e móveis.

Nenhum comentário: