Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.

Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.
Atualizamos o blog várias vezes todos os dias para que você tenha a informação em cima da hora.Colabore mandando eventos, matéria,denúncias,textos...tudo que possa interessar à comunidade do Guarujá.

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO
CLIQUE E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUINIS DO BRASIL

sexta-feira, 27 de julho de 2012

Força-tarefa fecha prostíbulo em Guarujá



Operação Prostíbulo realizada no dia 21 pela Força-tarefa de Guarujá autuou e fechou a casa onde era realizada a prática da prostituição

Na madrugada de sábado (21), um prostíbulo foi autuado e fechado pela Força-tarefa, em Guarujá. A casa, que não pode ter a localização divulgada, foi denunciada pelos vizinhos do local, por causar perturbação de sossego e práticas de programas amorosos explícitos. Cinco mulheres, maiores de idade, se prostituíam no local.

A operação foi divulgada durante reunião mensal da Força-Tarefa de Guarujá, realizada nesta quarta-feira (25), no Paço Moacir Santos Filho. Com a participação da Polícia Militar, Polícia Civil, Guarda Civil Municipal e órgãos de fiscalização da Prefeitura.

Mulheres vestidas a caráter, som alto e situação precária de higiene foram algumas das situações encontradas pelos agentes da operação. Das cinco que foram encontradas no local, somente uma não mora na Cidade. Elas dividiam o valor que recebiam dos clientes com a gerência da casa.  As moças foram entrevistadas, qualificadas e em seguida dispensadas.

“A casa autuada praticava rufianismo – crime de exploração e facilitação da prostituição, obtendo lucros em cima de atividades sexuais praticada por outras pessoas”, explica a coordenadora da Força-tarefa, Ana Valéria de Amorim da Silva. As mulheres foram dispensadas, porque a prostituição não é proibida, mas sim a cafetinagem.

O local não tinha alvará de funcionamento e teve as atividades paralisadas imediatamente. Os agentes da Força-tarefa estão averiguando o envolvimento do dono e da gerência da casa com o prostíbulo.

Além desta, diversas outras operações foram realizadas, por perturbação de sossego e por não respeitarem as regras impostas pela lei. Nelas foram realizadas apreensão de sons e autuações nos locais.

Ampliação de serviços – O Albergue Municipal José Calherani poderá ter ampliação de seus serviços. Durante a reunião da Força-tarefa, a diretora de Proteção Social Especial da Prefeitura,  Eliane Akemi Nakamura, apresentou a ideia de estender os serviços prestados no Albergue, localizado na Rua Manoel Otero Rodrigues, 853, em Vicente de Carvalho. A proposta foi aceita pela coordenação e passará por avaliação.

“Queremos melhorar a qualidade do serviço prestado, dar um conforto melhor. A ideia é não separar as famílias (pai, mãe e filho) moradoras de rua. E criar um canil, para que os moradores de rua não tenham que se separar de seus cães”, explica Eliane.

As ações da Força-tarefa envolvem o Ministério Público, Polícia Militar, Polícia Civil, Guarda Civil Municipal e órgãos de fiscalização da Prefeitura como Posturas, Comércio, Meio Ambiente e Vigilância Sanitária.

A próxima reunião mensal da Força-tarefa será realizada dia 29 de agosto.

Nenhum comentário: