Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.

Faça do SOS Guarujá seu informativo a qualquer hora. Assuntos locais e de interesse geral.
Atualizamos o blog várias vezes todos os dias para que você tenha a informação em cima da hora.Colabore mandando eventos, matéria,denúncias,textos...tudo que possa interessar à comunidade do Guarujá.

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO

CLIQUE AQUI E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO GUARUJÁ ATACADO E VAREJO
CLIQUE E SEJA LEVADA Á MAIOR LOJA DE BIQUINIS DO BRASIL

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Antonieta nomeia e demite marido após engano



Da Redação
Uma nomeação feita pela prefeita de Guarujá Maria Antonieta de Brito causou polêmica na Cidade. No último sábado, o Diário Oficial do Município trouxe o marido dela, Flávio Lopes da Silva, como o novo ouvidor Gerald de Guarujá. Nesta segunda-feira, contudo, a prefeita voltou atrás, alegou ter nomeado o marido por engano e prometeu revogar o ato. 

Questionada se a nomeação do marido não implicaria práticas de nepotismo, a Administração Municipal enviou nota explicando o episódio. 

”A Prefeitura de Guarujá esclarece que, neste início de segundo mandato, está realizando diversas renomeações e novas nomeações para os cargos em comissão e funções gratificadas, conforme exigido pela legislação e de acordo com as edições do Diário Oficial (DO) divulgadas desde o dia 2 de janeiro de 2013. As nomeações iniciais obedecem critérios técnicos e indicações feitas pelas chefias e secretários, com a posterior publicação no DO.”

Acrescenta ainda que “no caso especifico, o servidor Flávio Lopes da Silva, esposo da prefeita Maria Antonieta de Brito, foi indicado pela sua chefia imediata, dentre os diversos outros servidores devidamente nominados nas portarias publicadas no dia 12 de janeiro.”

Na edição do último sábado, foram publicadas 271 portarias no Diário Oficial de Guarujá. Em razão do elevado número de nomeações realizadas nesta data, a prefeita alegou não ter percebido a indicação do seu marido pela chefia imediata e acabou assinando o documento que o tornou ouvidor de Guarujá.

Mas, assim que teve conhecimento do ato, Antonieta determinou sua imediata revogação, com efeitos retroativos, o que será publicado na edição de amanhã do Diário Oficial.

Nenhum comentário: